Tangi... estrelas no céu,

meu pensamento brincou ao léu...

Soprei a luz da lua, acendi o sol...

E quis que chegasses, num arrebol.

 

Fiz aquarela das nuvens sombrias,

Sonhei sonhos de amor eterno,

aconcheguei-me ao manto das noites frias,

E pari em gemidos, meu prazer reprimido.

Quando a noite rompia...

 

E tu, tu não sentiste a presença do amor?
Não vieste, por quê?

Lá fora ouvi os gemidos

agonizando os vento de açoite

Levando de ti...

...O que seria

A Tua Noite!...

 




Clique Aqui e Envie
Para Seus Amigos

   


 


 


No ar desde 30/07/2008



Deixe um recadinho no meu livro de visitas


| Home | Menu | Fale Comigo | Voltar |


Página melhor visualizada  em Internet Explorer 4.0 ou Superior: 800 X 600
Copyright© Arte & Poesia - 2008 - Todos os Direitos Reservados