Para poder dirigir-me a Vós,
Tenho que falar pelo coração,
Abaixar contrito minha voz
Através de minha oração.
 
Agradecer mais do que pedir,
Redimir-me de meus pecados.
Meu amor por Vós fazer sentir,
Usar de todos meus recatos.
 
Ajoelhado, pedir-Vos a bênção:
Apiedai-Vos dos carentes sofredores,
Daqueles que não têm nossa atenção;
Rogar-Vos que amenizeis suas dores.
 
Guiai os passos dos que são cegos,
Clareai o discernimento do demente,
Facilitai o caminhar dos paraplégicos,
Dai fé e religiosidade ao descrente.
 
Agradecer o teto que nos abriga,
O sol que nossos dias ilumina,
A chuva que nosso  jardim irriga;
Cada vez mais, fiel à Vossa doutrina.
 
Concedei igualdade ao diferente,
Sede complacente com os ateus;
Ouvi esta minha prece plangente,
Do meu coração a Vós, meu Deus.

 

 

 




Clique Aqui e Envie
Para Seus Amigos

   


 


 


No ar desde 30/07/2008



Deixe um recadinho no meu livro de visitas


| Home | Menu | Fale Comigo | Voltar |


Página melhor visualizada  em Internet Explorer 4.0 ou Superior: 800 X 600
Copyright© Arte & Poesia - 2008 - Todos os Direitos Reservados