Para poder sonhar
e violar o tempo e o espaço
À tua procura...

Quero teu amor!
 

Depenarei as asas dos anjos,

apagarei o luzir das estrelas e do sol.

E, à lua mansa beijarei e direi... meu segredo.

 Quem sabe me embebede com Baco.

e algum sortilégio de bruxa seja uma poção.

 

Mas quero o teu amor,

também esta paixão que me dizes ter.

 Pois me descobri pensando em ti...

E o meu coração e os meus versos

 se aliaram a mim pois estão vazios,

Estão com frio...

Por isso tremem

Por isso fremem...

POR TEU AMOR! 



 

 Belo Horizonte

05/02/2008

 17:28h




Clique Aqui e Envie
Para Seus Amigos


No ar desde 10/02/2008


 


| Home | Menu | Fale Comigo | Voltar |


Página melhor visualizada  em Internet Explorer 4.0 ou Superior: 800 X 600
Copyright© Arte & Poesia - 2008 - Todos os Direitos Reservados